Diretório internacional elege os melhores diretores jurídicos do mercado brasileiro

14 de novembro de 2016

A Legal 500 reuniu diretores jurídicos de empresas ranqueados entre os melhores do país. A iniciativa visa reconhecer e enfatizar a importância do general counsel dentro das corporações e destacá-los no mercado.

Em evento realizado ontem, em SP, a Legal 500 reuniu diretores jurídicos de empresas ranqueados entre os melhores do país. A iniciativa visa reconhecer e enfatizar a importância do general counsel dentro das corporações e destacá-los no mercado.

Há quase 30 anos, o diretório britânico vêm analisando as capacidades dos escritórios de advocacia em todo o mundo. Contudo, enxergou-se a necessidade de identificar esses profissionais tão competentes que desempenham com brilhante profissionalismo a função interna, enfatizando o papel do conselheiro corporativo e, em particular, aqueles indivíduos que estão dirigindo os negócios jurídicos da companhia.

Para isso, a publicação analisou opiniões de advogados internos e parceiros em escritórios de advocacia. Os critérios de seleção procuraram identificar profissionais que estão mudando ou formando opiniões dentro de sua empresa ou setor; desenvolvendo soluções técnicas brilhantes para questões complexas; criando estruturas inovadoras para assegurar que a função interna agregue valor e ofereça um modelo operacional eficiente para toda equipe. O resultado final simplesmente destaca o melhor que o mercado interno tem para oferecer.

O advogado Ricardo Kiyoshi Sasaki, diretor jurídico da Ajinomoto do Brasil recebeu o prêmio com muita surpresa e satisfação, principalmente, “pelo fato de saber que, no Brasil, há muitos brilhantes, competentes e excelentes profissionais à frente dos departamentos jurídicos das empresas. Graças ao apoio que tenho recebido da Diretoria e de minha equipe é que está sendo possível implementar, por meio do exercício da advocacia corporativa, os princípios e ideias que sempre pautaram minha formação ética, moral e profissional. Esse prêmio me incentivará a disseminar, ainda mais, a teoria de que os problemas jurídicos podem ser resolvidos por meios alternativos e não litigiosos de solução de controvérsias, que proporciona não só vantagens econômicas às empresas e à sociedade, mas, evita o desperdício financeiro, de dinheiro e de tempo.”

Anfitrião do evento e parceiro na execução do encontro, o escritório Castro, Barros, Sobral, Gomes – Advogados destacou a importância da iniciativa pioneira desenvolvida pela The Legal 500. Parabenizando todos os diretores apontados no ranking, o sócio José Augusto de Araujo Leal reforçou a importância do profissional interno na tomada de decisão em todos os setores da companhia. “Todos nós devemos, neste exato momento, parabeniza-los por conseguirem fazer os negócios funcionarem. No Brasil, sendo uma das maiores economias do mundo e tendo um ordenamento jurídico tão complicado, sem dúvida alguma, a atuação dos departamentos jurídicos, hoje em dia e no futuro, será cada vez mais estratégica e cada vez mais determinante para o sucesso das empresas”.

Para Acessar  a publicação: http://www.migalhas.com.br/Quentes/17,MI248864,51045-Diretorio+internacional+elege+os+melhores+diretores+juridicos+do

Clique aqui para acessar a lista dos melhores profissionais reconhecidos pelo mercado de acordo com a The Legal 500.